Segunda-feira, 3 de Agosto de 2015

 

 

 

 

 

 * * *

 

 

 

* * *

 

 

Paula Fernandes, Almir Sater - Jeito De Mato

 

* * *

 

 

"De onde é que vem esses olhos tão tristes?
Vem da campina onde o sol se deita
Do regalo de terra que teu dorso ajeita
E dorme serena, no sereno e sonha

 

 

De onde é que salta essa voz tão risonha?
Da chuva que teima, mas o céu rejeita
Do mato, do medo, da perda tristonha
Mas, que o sol resgata, arde e deleita

 

Há uma estrada de pedra que passa na fazenda
É teu destino, é tua senda onde nascem tuas canções
As tempestades do tempo que marcam tua história,
Fogo que queima na memória e acende os corações

 

Sim, dos teus pés na terra nascem flores
A tua voz macia aplaca as dores
E espalha cores vivas pelo ar...
Ah, ah, ah ...

 

 

Sim, dos teus olhos saem cachoeiras
Sete lagoas, mel e brincadeiras
Espumas, ondas, águas do teu mar...
Ah, ah, Elaia..."

 

 

Paula Fernandes/ Maurício Santini, Jeito de Mato

 

 

 

 

 

publicado por Cleópatra M.P. às 00:00
link do post | comentar | favorito!

Quarta-feira, 18 de Março de 2015

 

 

 

 

* * *

O AMOR ENCONTRARÁ UM CAMINHO | LOVE WILL FIND A W

 

 

 

* * *

 

"It's time to come away, my Darling Pretty
It's time to come away on the changing tide
Time to come away, Darling Pretty
And I need you darling by my side 

Heal me with a smile, Darling Pretty
Heal me with a smile and a heart of gold
Carry me awhile, my Darling Pretty
Heal my aching heart and soul 

Just like a castaway
Lost upon an endless sea
I saw you far away
Come to rescue me 

Cast away the chains, Darling Pretty
Cast away the chains away behind
Take away my pain, my Darling Pretty
And the chains that once were yours and mine 

There will come a day, Darling Pretty
There will come a day when hearts can fly
Love will find a way, my Darling Pretty
Find a heaven for you and I
Love will find a way, my Darling Pretty
Find a heaven for you and I"

 

 

Mark knopfler, Darling Pretty

 

 

 

* * *

Mark knopfler, Darling Pretty

 

 

* * *

 

 

publicado por Cleópatra M.P. às 00:00
link do post | comentar | favorito!

Sexta-feira, 17 de Outubro de 2014

 

 

 

* * *

DUST IN THE WIND

 

* * *

 

I close my eyes only for a moment, and the moment's gone
All my dreams pass before my eyes, a curiosity

 

Dust in the wind, all they are is dust in the wind

Same old song, just a drop of water in an endless sea
All we do crumbles to the ground, though we refuse to see

Dust in the wind, all we are is dust in the wind

Now, don't hang on, nothing lasts forever but the earth and sky
It slips away, and all your money won't another minute buy

Dust in the wind, all we are is dust in the wind (all we are is dust in the wind)
Dust in the wind (everything is dust in the wind), everything is dust in the wind (the wind)

 

 

Kansas, Dust in The Wind


 


Kansas, Dust in The Wind

 

 

 

publicado por Cleópatra M.P. às 00:00
link do post | comentar | favorito!

Sexta-feira, 26 de Setembro de 2014

 

 

 

* * *

 

SEI. EU SEI.

 

 

* * *

 

 

Sabe quando a gente tem vontade de encontrar
A novidade de uma pessoa
Quando o tempo passa rápido
Quando você está ao lado dessa pessoa
Quando dá vontade de ficar nos braços dela
E nunca mais sair

 

 

Sabe, quando a felicidade invade
Quando pensa na imagem da pessoa
Quando lembra que seus lábios encontraram
Outros lábios de uma pessoa
E o beijo esperado ainda está molhado
E guardado ali
Em sua boca
Que se abre e sorri feliz
Quando fala o nome daquela pessoa
Quando quer beijar de novo, muito
Os lábios desejados da sua pessoa
Quando quer que acabe logo a viagem
Que levou ela pra longe daqui

 

 

Sabe, quando passa a nuvem em brasa
Abre o corpo, o sopro do ar que traz essa pessoa
Quando quer ali deitar, se alimentar
E entregar seu corpo pra pessoa
Quando pensa porque não disse a verdade
É que eu queria que ela estivesse aqui

 

 

Sabe, quando a felicidade invade
Quando pensa na imagem da pessoa
Quando lembra que seus lábios encontraram
Outros lábios de uma pessoa
E o beijo esperado ainda está molhado
E guardado ali
Em sua boca
Que se abre e sorri feliz
Quando fala o nome daquela pessoa
Quando quer beijar de novo, muito
Os lábios desejados da sua pessoa
Quando pensa porque não disse a verdade
É que eu queria que ela estivesse aqui

 

 

Sei

Eu sei

 

 

Nando Reis, 'Sei'

 

 

 

* * *

 

 

 

* * *

publicado por Cleópatra M.P. às 00:00
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito!

Sexta-feira, 20 de Abril de 2012

 

 

freedom
 
liberty
 
latitude
 
independence
 
Yves Rossy
 
 

* * *

 

LIBERTY 1

 

* * *

 

* * *

 

LIBERTY 2

 

* * *

 

 See more HERE!

 

publicado por Cleópatra M.P. às 00:00
link do post | comentar | favorito!

Quinta-feira, 19 de Abril de 2012

 

 

 * * *

 

BEAUTIFUL! THE CORAL TRIANGLE 1

 

 

* * *

 

 

 

 

* * * 

BEAUTIFUL! THE CORAL TRIANGLE 2
 
* * *

 

 

publicado por Cleópatra M.P. às 00:00
link do post | comentar | favorito!

Domingo, 1 de Janeiro de 2012

 

 

I will be with you again.

 

 

* * *

 

 

 

* * * 


"Hoje é um dia especial.
Um dia que não aceita lamentações.
Um dia em que é possível reverter a dor em alegria.
Transformar a derrota em escada para a vitória.
Renovar as esperanças de viver um grande amor mais uma vez.
Hoje é o dia em que a canção fala de novos hérois, e o meu herói é você.

Quem machucou seu coração?
Pobre infeliz que não sabe o que vai perder.
Quem negou aquela ajuda que você espera?
Coitado de quem não acreditou em você, nem imagina a besteira que fez.

Nesse dia de transformação, você é um grande sol, cujos raios aquecem os sonhos mais distantes.
Como é bom estar perto de você.
Seu sorriso, seu jeito meigo de falar.
Sua educação, suas boas maneiras.
Tudo em vocêconvence as pessoas sem muito esforço.

Vai, abre seu melhor sorriso e mostra para o mundo quem é você.
Mostra a vitória que está escondida em suas mãos.
Abre os dedos devagar.
Solte o pássaro da felicidade que está escondido em sua mão.
As lindas penas do pássaro são seus sonhos.
Os olhos brilhantes, seu carisma.
A boca exuberante é a sua certeza.
O canto é a sua vontade de acertar, de realizar.
Me responde então: quem vai resistir ao seu encanto?
Ninguém!

É preciso apenas que você descubra que hoje, como todos os dias de sua vida, é um dia especial demais para você jogar fora com pensamentos e sentimentos negativos.
Sabe aquele doce gostoso que nem em sonho você despreza?
Pois é, o dia de hoje é tão especial, tão maravilhoso que nada, nem ninguém merece estragá-lo!.

Aproveita. É o seu dia!.
Prá que chorar neste dia tão maravilhoso?
Fecha os olhos. Faz um pedido.
Melhor, faça dois pedidos.
Você merece mais, muito mais."

 

 

Paulo Roberto Gaefke

 

 

 
 
New Year's Day - U2
 
 

 

"All is quiet on new year's day,

 

A world in white gets underway,

 

And I want to be with you,

 

Be with you night and day.

 

Nothing changes on new year's day.

 

I will be with you again."

 

 

 

U2, New Year's Day Lyrics

 

 
publicado por Cleópatra M.P. às 12:12
link do post | comentar | favorito!

Quarta-feira, 26 de Outubro de 2011

 

 

* * *

 

 

 

* * *

 

 

Meus olhos vêem melhor se os vou fechando.
Viram coisas de dia e foi em vão,
mas quando durmo, em sonhos te fitando,
são escura luz que luz na escuridão.
Tu cuja sombra faz a sombra clara,
como em forma de sombras assombravas
ledo o claro dia em luz mais rara,
se em sombra a olhos sem visão brilhavas!
Que benção a meus olhos fora feita
vendo-te à viva luz do dia bem,
se a tua sombra em trevas imperfeita
a olhos sem visão no sono vem!
    Vejo os dias quais noites não te vendo,
    e as noites dias claros sonhos tendo.


William Shakespeare, in Sonetos

 

 

publicado por Cleópatra M.P. às 12:34
link do post | comentar | favorito!

Quarta-feira, 12 de Outubro de 2011

 

 

A lesson once learned is so hard to forget...

 

* * *


Sting - Be Still My Beating Heart

 

* * *

 

Be still my beating heart
It would be better to be cool
It's not time to be open just yet
A lesson once learned is so hard to forget
Be still my beating heart
Or I'll be taken for a fool
It's not healthy to run at this pace
The blood runs so red to my face
I've been to every single book I know
To soothe the thoughts that plague me so

I sink like a stone that's been thrown in the ocean
My logic has drowned in a sea of emotion
Stop before you start
Be still my beating heart

Restore my broken dreams
Shattered like a falling glass
I'm not ready to be broken just yet
A lesson once learned is so hard to forget

Be still my beating heart
You must learn to stand your ground
It's not healthy to run at this pace
The blood runs so red to my face
I've been to every single book I know
To soothe the thoughts that plague me so

Stop before you start
Be still my beating heart

Never to be wrong
Never to make promises that break
It's like singing in the wind
Or writing on the surface of a lake
And I wriggle like a fish caught on dry land
And I struggle to avoid any help at hand

I sink like a stone that's been thrown in the ocean
My logic has drowned in a sea of emotion
Stop before you start
Be still my beating heart

 

 

Sting, "Be Still my Beating Heart"


 

publicado por Cleópatra M.P. às 20:41
link do post | comentar | favorito!

Quarta-feira, 7 de Setembro de 2011

 

 

* * *

 

 

 

* * *

 

 When I saw you I fell in love,

 

and you smiled because you knew.

 

 

William Shakespeare

 

publicado por Cleópatra M.P. às 12:47
link do post | comentar | favorito!

Sexta-feira, 5 de Agosto de 2011

 

 

* * *

 

 

* * *

 

 

Sonho a cores, mas vivo a preto e branco.

 

Vivo a preto e branco, mas sonho a cores.

 

 

Cleo

 

 

publicado por Cleópatra M.P. às 23:36
link do post | comentar | favorito!

Quarta-feira, 15 de Junho de 2011

 

 

* * *

 

* * *

 

"Had I the heavens’ embroidered cloths,

 

Enwrought with golden and silver light, 

 

The blue and the dim and the dark cloths

 

Of night and light and the half light,

 

I would spread the cloths under your feet:

 

But I, being poor, have only my dreams;

 

I have spread my dreams under your feet; 

 

Tread softly because you tread on my dreams."

 

 

 

 

W.B. Yeats

'He Wishes For the Cloths of Heaven'


 

publicado por Cleópatra M.P. às 01:27
link do post | comentar | favorito!

Quarta-feira, 30 de Março de 2011

 

 

* * *

 

 

* * *

 

"Creio que foi o sorriso,

 

o sorriso foi quem abriu a porta.

 

Era um sorriso com muita luz

 

 lá dentro, apetecia

 

entrar nele, tirar a roupa, ficar

 

nu dentro daquele sorriso,

 

Correr, navegar, morrer naquele sorriso."

 

 

 

Eugénio de Andrade

'O Sorriso' in O Outro Nome da Terra

 

 

publicado por Cleópatra M.P. às 16:01
link do post | comentar | favorito!

Terça-feira, 15 de Fevereiro de 2011

 

* * *

 

                            * * *

 

publicado por Cleópatra M.P. às 15:34
link do post | comentar | favorito!

Quinta-feira, 18 de Novembro de 2010

 

 

* * *

 

* * *

 

"Sometimes I wonder where I've been
Who I am
Do I fit in.
Make believin' is hard alone,
Out here on my own

We're always provin' who we are
Always reachin' for the risin' star
To guide me far
And shine me home
Out here on my own

When I'm down and feelin' blue
I close my eyes so I can be with you
Oh, baby, be strong for me
Baby, belong to me
Help me through
Help me need you

Until the morning sun appears
Making light of all my fears
I dry the tears
I've never shown
Out here on my own

When I'm down and feelin' blue
I close my eyes so I can be with you
Oh, baby, be strong for me
Baby, belong to me
Help me through
Help me need you

Sometimes I wonder where I've been
Who I am
Do I fit in
I may not win
But I can't be thrown
Out here on my own
On my own"

 

Irene Cara, Out Here On My Own

 

 

....................................... 

......................................* Irene Cara - Out Here On My Own *

 

 

 

 

 

publicado por Cleópatra M.P. às 16:34
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito!

Sexta-feira, 22 de Outubro de 2010

 

 

 

* * *

 

 

 

* * *

 

 

 

 

publicado por Cleópatra M.P. às 17:26
link do post | comentar | favorito!

Sexta-feira, 15 de Outubro de 2010

 

 

 

* * *

 

 

* * *


publicado por Cleópatra M.P. às 10:00
link do post | comentar | favorito!

Quarta-feira, 13 de Outubro de 2010

 

 

 

Campo Grande

 

Mato Grosso do Sul

 

Brasil

 

 

* * *

 

 

* * *

 

 

* * *

 

 

* * *

 

 

* * *

 

 

* * *

 

 

* * *

 

 

* * *

 

 

publicado por Cleópatra M.P. às 10:21
link do post | comentar | favorito!

Quarta-feira, 15 de Setembro de 2010

 

 

 

* * *

 

 

 

* * *

  

 

Não quero amor
que não saiba dominar-se,
desse, como vinho espumante,
que parte o copo e se entorna,
perdido num instante.

Dá-me esse amor fresco e puro
como a tua chuva,
que abençoa a terra sequiosa,
e enche as talhas do lar.
Amor que penetre até ao centro da vida,
e dali se estenda como seiva invisível,
até aos ramos da árvore da existência,
e faça nascer
as flores e os frutos.
Dá-me esse amor
que conserva tranquilo o coração,
na plenitude da paz!

 

 

Rabindranath Tagore

Amor Pacífico e Fecundo in "O Coração da Primavera"

 


 

publicado por Cleópatra M.P. às 08:20
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito!

Segunda-feira, 13 de Setembro de 2010

 

 

 

* * *

  

 

 

* * *

 

 

Foi na semana passada. A meio da semana.

Nós os dois. Por acaso. Uma casa antiga, muito grande, estilo colonial. Branca. Portas e janelas em madeira pintada de azul turquesa. Linda. Árvores de grande porte na frente. Frondosas. Em fila. O casamento de alguém. Não me lembro quem. Para dizer a verdade, nem interessa, sabes? O importante éramos nós os dois, ali, assim sem contarmos. Sem termos feito nada para que acontecesse. Acaso. Será? Acaso? Nem sei, imagina lá tu. Claro que foi acaso. Não! Não foi nada disso. Há certas coisas na vida que não são acasos. Esta foi uma delas. Um momento indelével. Sem jogos, sem xeque-mate. Sem medo. Sem medos. Várias centelhas felizes dentro de um momento único.

A felicidade e a alegria que sentimos depois de tanto tempo de afastamento. Ai como é bom sentir o amor verdadeiro, o privilégio que é sermos um puzzle de duas peças.

O amor? Sim, acredito. Claro que acredito. Provas? Tenho várias! Mas nem precisava, sabes disso...

A festa? Era um casamento, já te disse, distraído! As pessoas, os convidados? Nem sei. Acreditas que não consigo lembrar-me? Quando te olhei, não vi mais ninguém. Mas tu certamente também não recordas quem lá estava, e nem eu te perguntaria por eles. Não interessa. Eram apenas os outros.

Depois olhei-te novamente e... vi-te. A minha alma aqueceu. E como aqueceu! A minha alma sempre aquecia de cada vez que te via. E essa particularidade não mudou. Ali estávamos nós, tão bem, tão maravilhosamente bem. Desaparecemos da festa, por um dos vários corredores da mansão. A correr de mão dada, os nossos pés a baterem com força no chão de madeira. Duas crianças que não conseguem disfarçar a felicidade que sentem. Tenho a certeza que nos perdoaram o egoísmo.

Quando nos encontraremos de novo? Mais logo? Então tenho que adormecer... encontro-te do outro lado.

 

 

Cleo.

 

* Vangelis - Come to Me *

                                                                                          

 

publicado por Cleópatra M.P. às 22:53
link do post | comentar | favorito!

Dezembro 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


Tradutor | Translator