Quinta-feira, 25 de Setembro de 2014
 

 

 

* * *

 

 ÁGUA DE BEBER

 

 

* * *

 

 

Eu quis amar, mas tive medo

e quis salvar meu coração

mas o amor sabe um segredo

o medo pode matar o seu coração

 

Água de beber

Água de beber, camará

Água de beber

Água de beber, camará!

 

Eu nunca fiz coisa tão certa

Entrei pra escola do perdão

a minha casa vive aberta

abre todas as portas do coração!

 

Água de beber

Água de beber, camará

Água de beber

Água de beber, camará!

 

 

'Água de Beber'
Vinicius de Moraes / Antonio Carlos Jobim

 

 

 

* * *

 

Astrud Gilberto, Água de Beber 

 

* * *

 

 

publicado por Cleópatra M.P. às 00:00
link do post | favorito!

De
  (moderado)
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Este Blog tem comentários moderados

(moderado)
Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



O dono deste Blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.

Setembro 2014
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6

7
8
9
10
11
12

14
15
16
17
18
19
20

21
22
24
27

29
30


Tradutor | Translator
Free counters!