Domingo, 16 de Maio de 2010

 

 

* * *

 

.

* * *

.

 

"

 

Ainda ontem pensava que não era mais do que um fragmento trêmulo sem ritmo na esfera da vida.

Hoje sei que sou eu a esfera, e a vida inteira em fragmentos rítmicos move-se em mim.

Eles dizem-me no seu despertar:


"Tu e o mundo em que vives não passais de um grão de areia sobre a margem infinita de um mar infinito."

E no meu sonho eu respondo-lhes:

"Eu sou o mar infinito, e todos os mundos não passam de grãos de areia sobre a minha margem."

Só uma vez fiquei mudo.
Foi quando um homem me perguntou:


"Quem és tu?"

 

"

 

Khalil Gibran

 

 

A propósito do post publicado hoje:


*Conhecer-se a Si Próprio*

 


publicado por Cleópatra M.P. às 21:18
link do post | comentar | favorito!

Cleópatra,

Obrigado por este "complemento" ao post que fiz no meu blog, é sem dúvida uma mais-valia ao texto que escrevi.

Beijinho,

H. M.
Hugo de Macedo a 17 de Maio de 2010 às 12:14


Maio 2010
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
11

17




Tradutor | Translator
Free counters!